domingo, julho 18, 2010

Sport empata com a Ponte Preta, na Ilha, no final do segundo tempo

Reprodução/TV Globo

Foto: Reprodução/TV Globo

Ponte Preta abriu o placar aos cinco minutos do primeiro tempo e o Sport só conseguiu empatar no final do segundo tempo

Da Redação do pe360graus.com

Foi por pouco. Mesmo jogando em casa na tarde deste sábado (17), o Sport passou por um sufoco e ficou apenas no empate com a Ponte Preta – aos 36 minutos do segundo tempo. Com apenas um ponto de distância, os dois times estavam lutando pelo mesmo objetivo: subir na tabela. Com os resultados da rodada, o Sport fica em 12º, com 11 pontos, e a Ponte Preta em 15º, com dez pontos. O jogo foi válido pela nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.


Foto: Reprodução/TV GloboReprodução/TV Globo



O gol da Ponte Preta foi marcado logo no início da partida, aos cinco minutos. Em uma bola trabalhada de André para Souza, César não conseguiu chegar para cortar a jogada e Reis, livre, acertou em cheio. 1 x 0.

Pouco depois, aos 11 minutos, Ciro recebeu a bola pela direita, cortou com a esquerda e bateu para o gol, mas sem força. Ficou fácil para o goleiro Eduardo Martini. Aos 22”, defesa importante de Magrão. Germano caiu e o time, na expectativa de que a arbitragem parasse o jogo, abriu espaço para o ataque da Ponte, mas o goleiro rubro-negro segurou firme.

Aos 27”, Dutra levou um cartão amarelo. Pouco depois, o Sport chegou bem perto do empate. Eduardo Ramos mandou a bola no pé da barra, mas o goleiro Martini espalmou para escanteio – e ficou caído no chão.

Aos 37”, a torcida reclamou de um pênalti não marcado pelo juiz. No lance, Moisés foi imprensado, tirado da jogada por Leo Oliveira e Naldo e ainda atingido por Bruno Collaço. Mas o juiz não marcou.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o técnico Toninho Cerezo fez duas substituições: Tobi foi trocado por Zé Antônio e Dairo saiu para ceder a vez a Leandrão. A ideia, ao que parecia, era facilitar o trabalho de Germano no meio de campo, fazendo a bola chegar mais aos atacantes.

Com apenas quatro minutos de jogo, Ciro foi derrubado por Leo Oliveira bem próximo à grande área. Na hora da cobrança, o goleiro defendeu e o Sport não conseguiu aproveitar nem a sobra de bola.

Williams passou pela defesa do Sport e bateu, mas Magrão salvou. Depois foi a vez de Eduardo Martini salvar o time, segurando uma cobrança de falta de Eduardo Ramos. Ciro ainda conseguiu cavar um chute cruzado, mas Leandrão não chegou em tempo.

O Sport só conseguiu empatar o jogo aos 36” do segundo tempo, numa cobrança de falta de Zé Antônio, que acertou em cheio. Placar final: 1 x 1. Com três amarelos, Ciro e Dutra não enfrentam o Coritiba, segundo colocado na tabela, no dia 24.

Nenhum comentário: