sexta-feira, julho 02, 2010

Frustrado, Kaká vê derrota nos detalhes e momento de refletir a carreira

Daniel Alves, Kaká e Luis Fabiano comemoram com Robinho

Daniel Alves, Kaká e Luis Fabiano comemoram com Robinho

Crédito da foto: Reuters

por Eduardo Affonso, de Porto Elizabeth (África do Sul), com redação do ESPN.com.br


O meia Kaká se mostrou muito decepcionado após a eliminação da seleção brasileira da Copa do Mundo. Grande esperança de criatividade no time, ele afirmou que a Holanda venceu o jogo nos detalhes e fez quetão de expor a dor que estava sentindo.

“Esta eliminação dói muito pelo que pensamos onde poderíamos chegar, achamos que poderíamos ir até à final. Não tem nem o que dizer. A seleção demonstrou, lutou, como eu também lutei, mas tem dia que as coisas não acontecem. Uma Copa se vence ou se perde em detalhes. Perdemos em duas bolas paradas”, afirmou Kaká.

O meia ainda disse que agora é o momento de refleitr sua carreira, mas ainda deu a entender que quer estar na próxima Copa do Mundo.

“Nesse momento preciso refletir muito na minha carreira. É um momento muito delicado. Tenho uma ligação muito forte com a seleção e este é o momento mais difícil que vivi aqui. Queria estar na final e brigar pelo hexa. Tomara que eu tenha a possibilidade de outra Copa”, afirmou.

Kaká ainda comentou sobre a sua lesão, que quase o tirou da Copa do Mundo, e rechaçou a busca por um culpado pela derrota para a Holanda.

“Achava que eu não ia chegar para a Copa, mas muitos passavam no meu quarto e deixavam mensagens. Fiz o que podia, lutei a cada dia, fiz três períodos de tratamento para estar bem. A expectativa que se tinha em mim e na seleção só ia ser superada com uma vitoria. Com a eliminação vamos sofrer críticas”, afirmou Kaká.

“Sei a dor daqueles que estão sofrendo com a gente. nunca vi uma dor igual a essa. Mas agora não temos que achar culpados. Eu era um dos líderes, como havia outros. São jogadores que vão ser cobrados, mas não temos que achar culpados”, completou.

Nenhum comentário: