sexta-feira, julho 16, 2010

Dado Cavalcanti fecha treino, mas não faz mistério sobre equipe

Única dúvida, segundo o treinador, é a entrada ou não do volante Goiano, que sentiu uma lesão na últma quinta-feira

Alexandre Barbosa - Diario de Pernambuco


O técnico Dado Cavalcanti fez um treino fechado na tarde desta sexta-feira, mas na coletiva após a movimentação não fez mistério algum e confirmou que a única dúvida no time do Santa Cruz para a estreia no Brasileiro da Série D é a entrada ou não do volante Goiano, que deixou o treino da última quita-feira com dores musculares. O treinador não escondeu, inclusive, que a opção caso o jogador não possa atuar é Evandro.

Goiano reclamou de dores musculares durante toda a semana. Na quinta-feira, tentou uma volta aos treinamentos, mas teve que sair mais cedo após sentir a volta das dores. Um exame realizado, no entanto, garantiu que o jogador não sofreu nenhuma lesão. Mesmo assim, precavido, o treinador avisou que prefere esperar. "Tivemos um susto e isso nos deixa um pouco temerosos do que possa acontecer. Vamos aguardar", afirmou Dado Cavalcanti.

O problema da entrada de Evandro é que ele não tem as características de um volante de contenção, já que atua mais solto. O substituto natural de Goiano, por sinal, seria Wellington, que está vetado pelo Departamento Médico. Segundo Dado, o objetivo é utilizar na partida o mesmo time que treinou durante toda a semana. Sendo assim, a formação ideal no pensamento do treinador seria Tutti; Osmar, Luiz Eduardo, Menezes e Paulo César; Goiano, Dedé, Jackson e Victor Hugo; Jadilson e Brasão. "Não tem mistério quanto à equipe. VOu utilizar a base que vem treinando e o objetivo é esse mesmo, dar continuidade ao trabalho", ressaltou o treinador.

Nenhum comentário: