terça-feira, julho 06, 2010

Com Cacau recuperado, Löw esconde time, mas garante manter ofensividade

Assista ao vídeo

por ESPN.com.br com agências


O técnico Joachim Löw manteve o mistério sobre o substituto do meia-atacante Thomas Müller, que está suspenso com dois cartões amarelos. Na disputa estão Trochowski, Toni Kross e o atacante Cacau, que está recuperado de lesão.

"Decidirei o time amanhã de manhã", comentou o treinador em entrevista coletiva nesta terça-feira, véspera da semifinal contra a Espanha. "O Cacau ainda terá de ser examinado pelos médicos, mas está 100% à disposição da equipe", completou, sem dar nenhum sinal sobre a utilização ou não do jogador nascido no Brasil.

Independente de quem entrará na equipe, Löw garante o time ofensivo para enfrentar os espanhois. Segundo ele, qualquer postura mais defensiva faria o time ser facilmente envolvido pela Fúria. "A Espanha é o time mais organizado da Copa, eles têm uma harmonia perfeita. Não podemos ser defensivos contra a Espanha. Temos que neutralizar o time deles, Iniesta e Xavi, por exemplo, que são jogadores de classe mundial e é bastante difícil controlá-los", afirmou.

A Alemanha busca sua oitava final de Copa do Mundo, enquanto a Espanha nunca chegou entre os dois primeiros de um Mundial. Löw se diz "confiante, já que sabe da qualidade, da força, e da criatividade alemã". No último confronto oficial entre os dois, melhor para os espanhois: 1 a 0 na final da Eurocopa de 2008.

Nenhum comentário: