segunda-feira, julho 12, 2010

Com atraso de três horas, campeã mundial Espanha chega a Madri

Técnico Vicente del Bosque ao lado do capitão Casillas e a taça

Técnico Vicente del Bosque ao lado do capitão Casillas e a taça
Crédito da imagem: Reuters

por ESPN.com.br


A seleção espanhola aterrisou às 14h47 horário local (9h47 de Brasília) no aeroporto de Barajas, em Madri. A delegação com os novos campeões do mundo saiu na madrugada de Johanesburgo, e o avião acabou sofrendo com um atraso de três horas para decolar.

Avião aterrisa com a bandeira espanhola nas janelas dos pilotos
Avião aterrisa com a bandeira espanhola nas janelas dos pilotos
Crédito da imagem: Reuters

Os jogadores vão direto a um hotel para descansarem um pouco e almoçaram antes do encontro com o rei Juan Carlos II e o primeiro-ministro do país, José Luis Zapatero.

Casillas desce do avião com a taça da Copa do Mundo na mão
Casillas desce do avião com a taça da Copa do Mundo na mão
Crédito da imagem: Reuters

Depois, desfilarão em carro aberto pelas ruas da capital da Espanha, celebrados por centenas de milhares de pessoas que já fizeram muita festa na última noite.

No último domingo, a Fúria coroou esta como sua melhor geração ao bater na prorrogação a Holanda na final da Copa do Mundo por 1 a 0, gol de Iniesta. Há dois anos, a seleção espanhola já tinha vencido a Eurocopa pelo mesmo placar, tento anotado por Fernando Torres.

Festa dos jogadores espanhóis logo após aterrisarem na Espanha
Festa dos jogadores espanhóis logo após aterrisarem na Espanha
Crédito da imagem: AFP

O goleiro e capitão da 'Fúria', Iker Casillas, foi o primeiro a descer da aeronave. Em seguida, veio o técnico Vicente del Bosque e o presidente da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), Ángel María Villar.

Após erguer a taça e entregá-la a Del Bosque, que inicialmente se mostrou reticente a recebê-la, Casillas se dirigiu à pista do aeroporto com o troféu nas mãos, voltando a levantá-lo em várias ocasiões. Em seguida, a seleção compareceu ao local onde estava a imprensa, onde posou para fotos.

Com bandeiras e camisas da seleção espanhola, funcionários de diversas companhias aéreas e das Forças de Segurança do Estado, entre outros, ficaram sob o sol do intenso verão espanhol deste ano aguardando a chegada dos jogadores no saguão do aeroporto, enquanto cantavam e sopravam as já imortalizadas vuvuzelas.

A eles se uniram dezenas de jornalistas que aguardavam a chegada do voo, que atrasou mais de três horas. Os jogadores foram recebidos por dois grandes cartazes com os dizeres: "Bem-vindos a um país mais feliz. Obrigado".

Um comentário:

Karthika Shree disse...

Great post! I am actually getting ready to across this information, It's very helpful for this blog.Also great with all of the valuable information you have Keep up the good work you are doing well.
PEGA Training in Chennai