segunda-feira, junho 07, 2010

Tanzânia 'imita' Zimbábue e repete gafes durante execução de hino

Primeiro foi o hino dos anfitriões. Como se fosse um antigo disco de vinil, houve um riscado durante a execução, e os responsáveis musicais tiveram de começar tudo de novo, caracterizando um tremendo mico.


Mas não parou por aí. Quando a melodia brasileira foi iniciada, alguém soltou um clipe no telão do estádio. Uma baita batucada ecoou e abafou o hino nacional. A solução foi aumentar o volume da saída de som do hino brasileiro até o final. Um baita papelão da organização tanzaniana, que viu a própria torcida local responder com uma vaia estrondosa.

Jogadores perfilados para os hinos, executados com várias gafes na Tanzânia

Jogadores perfilados para os hinos, executados com várias gafes na Tanzânia
Crédito da imagem: Julio Gomes/ESPN.com.br

No Zimbábue, há cinco dias, a banda local que tocou a música brasileira se perdeu durante a execução, repetiu partes e arrancou risos dos jogadores nacionais, como Lúcio, e deixou visivelmente broqueado o goleiro Júlio César, que chegou a manifestar com gestos faciais sua insatisfação.

Nenhum comentário: