sábado, junho 05, 2010

Seleção da Tanzânia vai jogar duas partidas em menos de 24 horas



N´Gassa e Mwarami, jogadores da Tanzania



Enquanto Ngassa vai para Kigali, o goleiro Mwarami
ficou na Tanzânia (Foto: Globoesporte.com)

Adversário do Brasil na próxima segunda-feira, às 12h (horário de Brasília), time comandado por Marcio Máximo vai entrar em campo neste domingo


Por GLOBOESPORTE.COM Direto de Dar es Salaam, Tanzânia


Duas partidas em menos de 24 horas. Essa será a maratona a qual será submetida a seleção da Tanzânia a partir das 9h (horário de Brasília) deste domingo. O primeiro confronto será contra Ruanda, em Kigali, pelas eliminatórias da Copa Africana de Nações, segunda maior competição do continente. No dia seguinte, na segunda-feira, às 12h (de Brasíllia), o adversário será o Brasil, no Estádio Nacional Benjamin Mkapa, em Dar es Salaam. A partida será a última do time comandado por Dunga antes da estreia na Copa do Mundo, contra a Coreia do Norte, no dia 15, no Ellis Park, em Joanesburgo.

Para o jogo em Kigali, o técnico brasileiro Marcio Máximo não poderá contar com quatro jogadores. De acordo com as regras das eliminatórias, os atletas que atuam fora de seus países não podem participar da competição. São os casos do goleiro Mohamed Mwarami, do Ferroviário Maputo, de Moçambique, dos meias Henry Joseph, do Kongsvinger, da Noruega, e Danny Mrwanda, do Dong Tam Long, Vietnã, e do atacante Nizar Khalfan, do Vancouver Whitecaps, do Canada. Todos ficaram em Dar es Salaam.


O craque da Tanzânia, o atacante Mrisho Ngassa, de 21 anos, seguiu com o grupo e, de acordo com Máximo, vai disputar as duas partidas.


- É um jogador importante para a nossa equipe. Precisamos dele nesse confronto. Ele também vai começar jogando contra o Brasil. Vamos o quanto ele vai suportar - disse o treinador.


Na partida de ida, em Dar es Salaam, Tanzânia e Ruanda empataram por 1 a 1. No jogo de volta, o time comandado por Máximo precisa de uma vitória simples ou de um empate a partir do placar de 2 a 2. Caso o resultado do primeiro confronto se repita, a vaga será decidida nos pênaltis.

Nenhum comentário: