quinta-feira, junho 17, 2010

Ricardo Teixeira, 'abertura da Copa tem de ser em São Paulo'

Abertura tem de ser em SP, com grande festa, diz Teixeira


por ESPN.com.br


O presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Ricardo Teixeira, não só garantiu que São Paulo receberá jogos da Copa de 2014 como disse que "a abertura tem de ser lá, com uma grande festa", em entrevista publicada no jornal O Estado de São Paulo desta quinta-feira.


"A cidade de São Paulo é imprescindível para a Copa e vai ter uma posição de destaque na competição", completou Teixeira. Sobre o estádio que será utilizado, o mandatário da CBF diz ainda não ter uma resposta. "Isso é pertinente às autoridades públicas de São Paulo. O que posso dizer é que, para abrir o Mundial, vai ser preciso uma arena de 65 mil lugares".


Teixeira lamentou ainda os dois anos em que o Comitê Organizador Local (COL) foi "empurrado" pelo Comitê Paulista. Agora, faltando quatro anos para a Copa, o dirigente admite que será "uma corrida contra o tempo" para se viabilizar um estádio que não seja o Morumbi.

Plano B

A reportagem do Estado diz ainda que dirigentes do Corinthians ouvidos pelo jornal garantiram que o clube já tem projeto definido para a construção de um estádio em Itaquera, mas aceitariam participar de um grupo de investimento para erguer uma arena em outro lugar, como Pirituba.


Também nesta quarta-feira, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse que há seis parceiros privados estrangeiros interessados em investir no projeto de uma arena multiuso de 40 mil lugares, capacidade menor que o exigido para a abertura. Caso firmem parceria com a prefeitura, Kassab tentará convecê-los de encurtar o período de construção de 2016 para 2012 e ampliar o número de assentos. A informação é do jornal Folha de S. Paulo desta quinta.


A edição conta que, em paralelo, o prefeito já conversa com Corinthians, Portuguesa e Santos para ver a possibilidade de algum clube assumir o Piritubão. Enquanto isso o presidente do Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, também deixou a nova Arena Palestra Itália à disposição. "O Palmeiras construiu um projeto que atende às especificações da Fifa. Nosso estádio vai estar pronto no fim de 2012 e está disponível se for o caso", disse. O estádio palmeirense terá 45 mil lugares.

Nenhum comentário: