quinta-feira, junho 10, 2010

Pernambuco tem 30 meses para construir estádio da Copa

Este foi o prazo estabelecido entre a comissão da Fifa e o Comitê Estadual da Copa de 2014


Trinta meses, a partir de julho deste ano. Este foi o prazo estabelecido entre a comissão da Federação Internacional de Futebol (Fifa) e o Comitê Estadual da Copa de 2014, para a construção do estádio que vai receber os jogos em Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife.

O anúncio do resultado da reunião, ocorrida na última terça (18), foi feito nesta quarta (19), pelo coordenador do comitê, o secretário da Casa Civil, Ricardo Leitão (foto 1). O acordo reforça o prazo que já era admitido pela Fifa - dezembro de 2012 - para conclusão da construção dos estádios do Mundial. A Fifa deverá mandar um documento com a análise do projeto. “Os 30 meses são um prazo mais do que suficiente para a conclusão da arena. Existem cidades com dificuldades muito maiores do que as nossas”, disse Leitão.


A visita da comissão da Fifa incluiu um sobrevoo na área onde será erguido o estádio e uma reunião fechada num hotel em Boa Viagem. O voo de 40 minutos serviu também para mostrar outras áreas estratégicas do Estado, como Estrada da Batalha, o litoral de Piedade até Olinda, o Centro de Convenções, BR-408, avenida Caxangá e Universidade Federal de Pernambuco, até retornar ao aeroporto.


A visita ocorreu duas semanas depois da Fifa criticar o atraso no trabalho para o Mundial do Brasil.


PROJETO
O estádio pernambucano para a competição de 2014 será construído às margens da BR-408, em uma área de 50 hectares no município de São Lourenço da Mata, Região Metropolitana do Recife. “Eles elogiaram nosso projeto, e colocaram que, dos 12 projetos existentes, o nosso possui a melhor curva de visibilidade, ou seja, 100% de visibilidade para todos os espectadores”, contou o secretário-executivo do Comitê da Copa, Sílvio Bom Pastor (foto 2).


As obras da Cidade da Copa, no entanto, ainda não saíram do papel. No último dia 12, o Governo do Estado anunciou a empresa que a Odebrecht Investimentos em Infraestrutura venceu a licitação e será responsável para erguer a Arena com capacidade para 46 mil torcedores e os empreendimentos que integram o projeto, como um conjunto habitacional com 9 mil apartamentos e um hospital.


O investimento total a ser feito é de $ 472 milhões, que será feito por uma Parceria Público-Privada. O prazo de dezembro de 2012 leva em consideração a realização da Copa das Confederações, um ano antes da Copa, que serve como um teste para o Mundial.

Nenhum comentário: