sexta-feira, junho 18, 2010

Gol anulado no fim confunde torcida norte-americana no Ellis Park

Árbitro Koman Coulibaly após anular o gol de Maurice Edu (à dir.); jogada confundiu a torcida


Árbitro Koman Coulibaly após anular o gol de Maurice Edu (à dir.); jogada confundiu a torcida
Crédito da imagem: AFP

por Thiago Arantes, de Johanesburgo (África do Sul), para o ESPN.com.br


Estados Unidos e Eslovênia empataram por 2 a 2 nesta sexta-feira, no Ellis Park, pela segunda rodada do Grupo C da Copa do Mundo. Mas para alguns torcedores norte-americanos, a partida terminou com vitória. Isso porque aos 40 minutos da segunda etapa, uma pequena parte dos americanos deixou o estádio, festejando o que seria o terceiro gol da equipe, assinalado por Maurice Edu.


Acontece que o árbitro Koman Koulibaly, de Mali, anulou o gol, alegando que houve falta no lance. Como o placar eletrônico do estádio mostrou a tradicional vinheta de gol, com o mascote Zakumi comemorando, os torcedores não perceberam a anulação. Até dois minutos depois, ainda havia norte-americanos festejando.


O replay do lance não deixou claro que tipo de irregularidade o árbitro pode ter assinalado. A primeira impressão foi de que houve a marcação de um impedimento.

Nenhum comentário: