sexta-feira, junho 18, 2010

EUA empatam no fim e frustam classificação antecipada da Eslovênia

http://contenti1.espn.com.br/foto/grande/0_be6084d4-f449-39b4-b4fb-069c163930bd.jpg

Bradley comemora gol de empate dos EUA sobre a Eslovênia

Crédito da foto: Reuters


por ESPN.com.br


A seleção dos Estados Unidos foi para o interval com uma desvantagem de dois gols no placar, mas demonstrando superação, os norte-americanos foram buscar o resultado e acabaram empatando o confronto desta sexta-feira com a Eslovênia por 2 a 2. Sem a vitória, os eslovenos perdem a chance de garantir sua segunda vitória em Mundiais e se classificar antecipadamente para as oitavas de final.


Em um jogo emocionante, a Eslovênia aproveitou um chute de longe do meio Birsa e um contra-ataque rápido, que culminou no gol de Ljubijankic, para fazer 2 a 0 ainda no primeiro tempo. Porém, no segundo, Donovan, aproveitando falha da defesa eslovênia, e Bradley empataram para os Estados Unidos. Aos 40 da segunda etapa, o ábritro ainda anulou um gol dos Estados Unidos em lance duvidoso dentro da área.


Agora, a Eslovênia entra em campo na próxima quarta-feira para enfrentar a Inglaterra, precisando da vitória para ainda ter chances de classificação. Enquanto os Estados Unidos também precisam da vitória sobre a Argélia para continuar na briga.


Jogadores eslovenos comemoram gol em empate diante dos Estados Unidos

Jogadores eslovenos comemoram gol em empate diante dos Estados Unidos
Crédito da imagem: AFP

O jogo


O confronto entre eslovenos e norte-americanos começou nervoso, já com uma disputa de bola mais ríspida entre Dempseye Ljubijankic. Com um embate igual, sem maior ousadia de nenhuma
equipe, os eslovenos chutaram ao gol somente aos 13 minutos de jogo e abriram o placar.


Birsa apareceu livre entre as linhas de defesa dos Estados Unidos, arriscou de longe e mandou no ângulo do goleiro Howard para fazer 1 a 0.


Após o gol, os norte-americanos não demonstraram reação e viam passivos a troca de bola eslovena. Aos 21, mais uma vez Birsa, em cobrança de falta de longe, chutou direto de gol, mas Howard segurou firme.


Os norte-americanos só melhoraram no fim da primeira etapa. Em cobrança de falta, Torres chutou direto para o gol na ponta direita e forçou Handanovic a espalmar para fora. Na sequência, Findley recebeu lancamento pela esquerda e Jokic afastou. Aos 40, foi a vez de Dempsey cruzar pela direita e Brecko, praticamente nos pés de Donovan, salvou a seleção da Eslovênia.


Justamente quando os Estados Unidos eram melhores, Ljubijankic recebeu livre na ponta esquerda e fez o segundo, levando os eslovenos com vantagem por 2 a 0 no placar.



Na volta do segundo tempo, Cesar falhou, Donovan avançou livre pela ponta direita e diminiu aos 3 minutos da segunda etapa.


Depois do gol, os Estados Unidos foram para cima. Em cobrança de falta, Donovan cruzou na área, a bola passou à frente de quatro jogadores norte-americanos, assusatando a defesa eslovena.


Com maior volume de jogo na segunda etapa, os norte-americanos sentiram o bom momento e deram mais emoção à partida. Aos 19, foi a vez de Feilhaber, que nasceu no Brasil, arriscar de fora da área.


Aos 24, Donovan bateu falta na entrada da área. No rebote Altidore chutou forte, com perigo, obrigando Handovic a fazer grande defesa.


A pressão norte-americana deu resultado aos 36 minutos. Após bola lançada, Altidore tocou de cabeça para área, e Bradley, sozinho, empatou.


No fim da partida, os Estados Unidos ainda tiveram um gol anulado de Maurice Edu, em lance duvidoso. O esloveno Radosavljevic, aos 43, também arriscou de fora da área, forçando Howard a fazer grande defesa.


FICHA TÉCNICA
ESLOVÊNIA 2 X 2 ESTADOS UNIDOS


Local: Ellis Park, em Johanesburgo
Data: 18/06/2010 (sexta-feira)
Horário: 11h (de Brasília)
Árbitro: Koman Coulibaly (Mali)
Assistentes: Rodouane Achik e Inácio Cândido (Angola)
Cartões amarelos: Cesar, Suler, Kirm e Jokic (Eslovênia) e Findley (EUA)
Gols: Birsa, aos 13, e Ljubijankic, aos 42 minutos do primeiro tempo, para a Eslovênia. Donovan, aos três do segundo tempo, e Bradley, aos 36, para os Estados Unidos.


ESLOVÊNIA: Samir Handanovic; Brecko, Suler, Cesar e Jokic; Koren, Radosavljevic, Kirm e Birsa (Dedic); Ljubijankic (Pecnik, depios Komac) e Novakovic. Técnico: Matjaz Kek


ESTADOS UNIDOS: Howard; Cherundolo, Demerit, Onyewu (Gomez) e Bocanegra; Torres (Edu), Bradley, Dempsey e Donovan; Findley (Feilhaber) e Altidore. Técnico: Bob Bradley

Nenhum comentário: