sábado, junho 19, 2010

Dinamarca elimina Camarões, classifica Holanda e decide vaga com Japão

http://contenti1.espn.com.br/foto/grande/0_b95ba14c-f4f2-3eb6-83a4-1f3492b598e4.jpg


por ESPN.com.br


Pressionados pelas derrotas sofridas na primeira rodada da Copa do Mundo (para Holanda e Japão, respectivamente), as seleções de Dinamarca e Camarões foram a campo neste sábado, em Pretória, e fizeram uma partida aberta e repleta de bons lances. A ousadia e os erros de ambos os lados, porém, custaram mais caro para Camarões, que acabou perdendo o jogo por 2 a 1, de virada, e as chances de avançar na Copa do Mundo.


Tudo porque na próxima rodada, a última da primeira fase, a Dinamarca enfrenta o Japão, que perdeu neste sábado para a Holanda e precisa do resultado positivo para se classificar, enquanto Camarões encara a invicta Holanda, já classificada para as oitavas de final.

Dinamarca comemora vitória que a coloca na briga pela última vaga do grupo nas oitavas

Dinamarca comemora vitória que a coloca na briga pela última vaga do grupo nas oitavas
Crédito da imagem: Reuters


O jogo


Os primeiros segundos da partida no Loftus Versfeld pareciam indicar que a Dinamarca não seria páreo para Camarões. Com velocidade e bom passe, os camaroneses tinham muita facilidade para chegar ao gol adversário. Tanto que logo no primeiro minuto Assou Ekotto arriscou o chute da entrada da área e foi travado pela zaga.


Mas a Dinamarca não estava disposta a deixar o jogo fluir tão fácil para Camarões. E, aos seis minutos, conseguiu seu primeiro chute a gol. Rommedahl avançou pela direita e arriscou o chute, mandando a bola por cima do travessão. Era a amostra de que o jogo seria aberto e com bastante emoção.


Assim, aos nove minutos, um erro colocou fogo no jogo: Christian Polsen falhou na saída de bola, Webo aproveitou e encontrou Eto'o sozinho dentro da área. O atacante da Inter de Milão só teve que chutar forte para fazer 1 a 0 para Camarões. A desvantagem no placar, no entanto, não intimidou os dinamarqueses, que também foram ao ataque.


Assim, depois de alguma insistência, a Dinamarca conseguiu igualar o placar. Kjaer lançou a bola ainda do campo de defesa para Rommedahl, que tocou rapidamente para o meio da área, onde Bendtner apareceu para completar para as redes e colocar novamente a equipe do técnico Morten Olsen no jogo. Contudo, o placar permaneceu empatado até o intervalo.


No segundo tempo, Camarões voltou a pressionar a Dinamarca. A diferença foi que os dinamarqueses conseguiram encontrar uma falha no sistema defensivo do adversário antes que sofressem o segundo gol. Pelo lado esquerdo da zaga, Rommedahl dominou e avançou com a bola até encontrar um espaço e chutar cruzado para o fundo das redes: 2 a 1.


A partir daí, Dinamarca fez de tudo para se defender e preservar o resultado que lhe favorecia. Nem mesmo todas as tentativas do ataque camaronês foram suficientes para furar o bloqueio dos europeus, que conseguiram a vitória e definiram duas situações no grupo: a classificação da Holanda e a eliminação de Camarões.


FICHA TÉCNICA
CAMARÕES 1 X 2 DINAMARCA


Local: Estádio Loftus Versfeld, em Pretória (África do Sul)
Data: 19 de junho de 2010 (Sábado)
Horário: 15h30 (de Brasília)
Árbitro: Jorge Larrionda (Uruguai)
Assistentes: Pablo Fandino e Mauricio Espinosa (ambos do Uruguai)
Cartões amarelos: Bassong, Mbia (Camarões), Sorensen e Kjaer (Dinamarca)
Gols: CAMARÕES: Samuel Eto'o aos 10 minutos do primeiro tempo;
DINAMARCA: Brendtner aos 35 minutos do primeiro tempo e Rommedahl aos 16 minutos do segundo tempo.


CAMARÕES: Souleymanou, M'bia, N'Koulou, Bassong (Idrissou) e Ekotto; Alex Song, Eyong (Makoun), Geremi e Emana; Webo (Aboubakar) e Eto'o
Técnico: Paul Le Guen


DINAMARCA: Sorensen, Jacobsen, Agger, Kjaer e Simon Poulsen; Christian Poulsen, Gronkjar (Kahlenberg) e Jorgensen (Jensen); Rommendahl, Bendtner e Tomasson (Jakob Poulsen)
Técnico: Morten Olsen

Nenhum comentário: