segunda-feira, junho 07, 2010

Bebeto e Ricardo Rocha apresentam projeto social ao governador Eduardo Campos



Eles estiveram no Recife nesta segunda-feira e conversaram com crianças de escolas públicas, mostrando a elas que é possível acreditar nos sonhos e ficar longe das drogas



Da Redação do pe360graus.com


Bebeto e Ricardo Rocha, dois ex-jogadores que já foram campeões mundiais pela seleção brasileira, estiverem nesta segunda-feira (7) no Recife para apresentar ao governador Eduardo Campos o Projeto Cidadania: Esportes e Educação, que visa trazer atletas campeões de diversas modalidades para conversar com crianças e adolescentes de comunidades pobres do Grande Recife e mostrá-las que é possível acreditar nos sonhos e seguir uma vida de vitória longe das drogas.


Os dois atletas deram o exemplo, transformando-se em professores para dezenas de alunos de escolas públicas da cidade, que escutaram atentos as lições de vitória e superação dos dois, além de histórias curiosas, como a reação de Bebeto quando ele marcou o primeiro gol com a camisa da Seleção.


A reunião com o governador para apresentação do projeto aconteceu à tarde, no Palácio do Campo das Princesas. Também estiveram presentes os secretários de Turismo Paulo Câmara, e de Esportes, George Braga.


“Estou muito feliz de receber Ricardo Rocha e Bebeto. dois astros do futebol brasileiro, que já emocionaram Pernambuco e o Brasil e nos emocionam mais uma vez, cuidando de nossas crianças e nossos jovens”, disse o governador.


Ricardo Rocha falou da importância que o projeto pode causar na vida dos beneficiados: “nem todas as crianças pobres serão grandes atletas, mas podem ser grandes homens”.


Em tempos de Copa do Mundo, claro que o assunto também foi seleção brasileira. Otimismo não falta para quem conhece muito bem as dificuldades e alegria de encarar e vencer esse desafio mundial. Bebeto, ex-atacante, está otimista: “o grupo que a gente caiu é difícil, mas é bom, pra gente ver logo como a gente vai se sair. O Brasil é muito forte e tenho certeza que a gente vai entrar com tudo.

Nenhum comentário: