segunda-feira, maio 31, 2010

Toninho Cerezo comanda o primeiro treino do Sport nesta segunda-feira


Reprodução/TV Globo

Novo técnico, que esteve em Salvador, conversou com o presidente e assistiu ao jogo contra o Bahia, a quarta derrota em cinco jogos na Série B


Toninho Cerezo, o novo comandante do Sport, assume o comando do time já na tarde desta segunda-feira (31). E o que ele vai encontrar é um grupo sem confiança por conta dos resultados na Série B do Brasileiro. “Eu, particularmente, acho que é o principal, a confiança. Até mesmo porque, devido à situação em que a gente se encontra, tem saído sempre atrás do placar. Isso já dá um abatimento muito grande”, disse o meio-campo Zé Antônio.



E o novo técnico, que esteve em Salvador, assistiu ao jogo contra o Bahia, a quarta derrota em cinco jogos na Série B, já notou que o psicológico precisa ser trabalhado. “A equipe, talvez pelos resultados que vem tendo, está um pouco apagada. Alguns setores tem que ter uma luz”, analisou Cerezo. Apesar disso, o treinador acredita que o Sport criou chances, o que para ele é um bom sinal, que pode levar a um poder de reação.



Nesta manhã, Cerezo chegou cedo à Ilha e conversou com o presidente Sílvio Guimarães; o procurador do treinador só chegou à tarde para fechar detalhes do contrato com Eduardo Carvalho, vice-presidente jurídico do clube.



Toninho Cerezo vai encontrar um departamento médico mais vazio. Lá, apenas Wilson, que retorna em agosto, e Leandrão, que volta depois da parada para a Copa do Mundo. Ciro e Daniel Paulista, que não viajaram a Salvador, estão recuperados.



A parte física é outro calo. Toninho Cerezo foi um atleta exemplar, jogou até depois dos 40 anos de idade. Quem, no passado, mostrou excelência física vai poder, agora, cobrar o mesmo dos jogadores.



Com a falta de pré-temporada no início do ano e as lesões, o time sente agora a consequência. Um dos que fizeram a autocrítica foi o capitão Igor. “O que acontece: você não fica com medo, mas com receio de fazer uma antecipada e o atacante ser mais rápido e conseguir tomar sua frente, e você não ter mais sua recuperação de antes, você poder buscar”, contou. A prioridade do novo técnico é fazer um time que está aos cacos ficar na ponta dos cascos.



Sport e Paraná jogam às 21h desta terça-feira (1º), na Ilha do Retiro. Quem não comprou o ingresso é só ir até o clube. A arquibancada custa R$ 20, e a meia-entrada é R$ 10. As bilheterias fecham, nesta segunda-feira (31), às 17h e abrem de novo nesta terça-feira (1º), às 9h.



Nenhum comentário: