sábado, maio 08, 2010

O recomeço visando a volta à elite


Gallo foi obrigado a promover mudanças no time
Náutico estreia hoje na Série B diante do Coritiba, um dos favoritos ao acesso


Nada como uma vitória para esquecer uma derrota. Com esse pensamento, o Náutico enfrenta o Coritiba, hoje, às 16h10, nos Aflitos, pela estreia na Série B do Campeonato Brasileiro e para colocar de vez uma pedra sobre o vice-campeonato estadual. Com algumas caras novas, mas o mesmo esquema ofensivo das últimas partidas, o Timbu dá início a uma caminhada por um sonho ainda maior do que a conquista local: voltar à elite do futebol nacional.

Sem poder contar com Zé Carlos e Diego Bispo, suspensos, o técnico Alexandre Gallo testou nos treinamentos de ontem uma equipe que pode ser formada por três estreantes. Na lateral-direita, César Prates substitui Daniel, requisitado pelo Internacional para voltar ao Rio Grande do Sul. A lateral esquerda fica por conta de Anderson Paim, com Walter formando a dupla de zaga com Vinícius, já que ambos foram regularizados ontem e reúnem condições de entrar em campo.


Gallo não fez mistério sobre o time titular e montou o mesmo esquema tático que venceu o Sport nos Aflitos, formado pelo tridente ofensivo Geílson, Rodrigo Dantas e Bruno Meneghel. No meio-campo, a novidade será Márcio Tinga ao lado de Ramirez e Carlinhos Bala, substituindo a incógnita Hamilton, que ainda não definiu a sua situação contratual com o clube. "Com as peças que temos hoje, vamos com essa equipe", confirmou o treinador.


O técnico ressaltou que esta será uma partida com um nível de dificuldade maior, principalmente pelo fato do Coritiba estar há 15 dias sem jogar. "Esta partida nos preocupa mais, estamos trocando 40% do time titular. Esperamos mais dificuldades, mas nos próximos jogos teremos mais tempo para treinar e encaixar a equipe", analisou. "Os sete primeiros jogos vão dar uma vantagem boa, já que depois da parada da Copa as equipes vão estar mais equilibradas".


Um dos estreantes do dia, o zagueiro Walter diz estar preparado para entrar em campo. "Estou bem preparado. Acabei de ser campeão com o Botafogo/SP (entre as equipes do interior paulista). Tenho consciência da pressão, e vamos tentar fazer uma boa estreia", disse.


CORITIBA

O Coritiba está, sem dúvidas, entre os candidatos ao acesso à Primeira Divisão do Brasileiro. O favoritismo não é a toa. O título paranaense, conseguido de maneira incontestável, credencia o Coxa entre as principais equipes que disputam a Série B. Hoje, apesar de ter alguns importantes desfalques, os comandados do técnico Ney Franco prometem não facilitar as coisas para o Náutico.


Durante esta semana, o treinador teve de quebrar bastante a cabeça para montar o seu time. Contundidos, os atacantes Marcos Aurélio e Ariel foram vetados pelo Departamento Médico e não vão poder jogar contra o Timbu. Vale salientar que o argentino é o maior destaque do clube nesta temporada. O meio-campista prata da casa Tiago Real e o avançado Bill ocuparão as vagas. Sem também poder contar com um lateral-esquerdo de origem, Ney Franco vai precisar colocar o zagueiro Lucas Mendes para cumprir a função.


Náutico: Glédson; César Prates, Vinícius, Walter e Anderson Paim; Márcio Tinga, Ramirez e Carlinhos Bala; Geílson, Rodrigo Dantas e Bruno Meneghel. Técnico: Alexandre Galo


Coritiba: Edson Bastos; Fabinho Capixaba, Jeci, Pereira e Lucas Mendes; Marcos Paulo, Leandro Donizete (Andrade), Renatinho e Tiago Real; Rafinha e Bill. Técnico: Ney Franco


Horário: 16h10

Árbitro: Wladyerisson Silva Oliveira/CE

Assistentes: Marcos Antonio Brigido/CE e Thiago Gomes Brigido/CE

Ingressos: R$ 30 (arquibancada), R$ 15 (estudante)

Nenhum comentário: