quinta-feira, maio 06, 2010

Gallo: ‘Agora é o momento de pensar só no Brasileiro’


Aldo e Antônio Carneiro

Treinador do Náutico afirma que derrota já é página virada e que o time começa a focar na Série B Campeonato Brasileiro


O derrota do Náutico por 1 a 0 para o Sport, na noite desta quarta-feira (05), na Ilha do Retiro, já é encarada como página vidada pelo técnico Alexandre Gallo. Após perder o título pernambucano, o treinador diz que agora é o momento da equipe se voltar para a Série B do Campeonato Brasileiro, que começa já neste sábado (08). O Timbu recebe nos Aflitos o Coritiba.



“O futebol é apaixonante porque é imprevisível. Mas, apesar da derrota, estou contente com o resultado tático do time. Fisicamente nosso time foi superior ao adversário e estamos numa evolução. E esta evolução não pode para. Agora, é página vidada para o Estadual e isso vai nos fortalecer para o Brasileiro. Os jogadores cresceram muito e estamos formando um grupo forte que entende que o trabalho é necessário sempre. Derrota nos fortalece por incrível que pareça. Vamos levar com muita fora para o Brasileiro e temos o plantel em crescimento”, explicou.



Gallo foi o único alvirrubro a falar após a derrota. Ele reclamou bastante da arbitragem do mineiro Alício Pena Júnior. “Ele foi muito mal. Eu já tinha falado para o presidente que não deixasse ele apitar mais jogos do Náutico. Ele não deu um pênalti escandaloso no começo do jogo, só marcava faltas a nosso favor no campo de defesa Trabalhei em Minas e conhece ele de lá. Sei da relação que ele tem com outros clubes.”



No final, o treinador ainda reconheceu a campanha do Sport, parabenizou a equipe pela conquista e lamentou os dois gols tomados no primeiro jogo nos Aflitos. “O Sport achou dois gols meio sem querer, em lances de futebol. Acho que a sorte também faz parte do jogo de futebol. Tenho que parabenizar o Sport pela regularidade, mas tenho a certeza que fomos superiores nestes dois jogos”, finalizou.

Nenhum comentário: