terça-feira, maio 04, 2010

De coadjuvante a papel de destaque







Volante sentiu uma pancada na mão e chegou a assustar os alvirrubros

Com os desfalques de Zé Carlos e Derley, Márcio Tinga passou a ser fundamental


Márcio Tinga nunca brilhou em um jogo pelo Náutico. Mas também nunca fez feio, mantendo a regularidade independente da fase atravessada pelos timbus. Já atuou como lateral-direito, lateral-esquerdo, como ala quando o treinador optou por uma formação com três zagueiros e, finalmente, como volante, setor para o qual foi contratado inicialmente. Com as suspensões de Zé Carlos (expulso) e Derley (terceiro cartão amarelo), que ocuparam as laterais na primeira partida da decisão contra o Sport, o polivalente Tinga se transformou em uma peça importante para o esquema do técnico Alexandre Gallo.

“Ainda não sei se vou jogar, o Gallo ainda não falou nada. Mas, assim como qualquer jogador, não quero ficar de fora dessa. Não tenho preferência por posição, onde puder ajudar, vou dar meu máximo”, declarou o atleta, após o treinamento realizado ontem, no CT Wilson Campos, na Guabiraba.


Os titulares do último jogo contra o Sport participaram apenas de um trabalho regenerativo, enquanto o resto do grupo treinou com bola. Durante a movimentação, Tinga sentiu uma pancada na mão e assustou. Foram cerca de cinco minutos de atendimento e muita cara de dor antes que o jogador voltasse ao treinamento. “Foi um sustinho ali, mas nada que possa me impedir de ir para o jogo”.


Quem também esteve presente foi o lateral-direito Daniel, que ainda se recupera de uma lesão no joelho direito. Oficialmente, a comissão técnica do Náutico ainda aguarda pelo jogador até o último momento antes do clássico decisivo de amanhã. O jovem treinou com uma proteção na região da lesão e passou todo o trabalho mancando. Após as atividades, o jogador não concedeu entrevistas, indo direto para o departamento médico fazer tratamento.


INTEGRADOS

O meia Thiago Marín e o lateral-direito César Prates, novos reforços do Náutico para a Série B, chegaram ao Recife ontem. Os jogadores se apresentam ao grupo hoje, no CT Wilson Campos, onde acontece o último treino antes da final do Pernambucano. O superintendente do clube, Gustavo Mendes, aproveitou a presença da Imprensa ontem para desmentir que o Náutico esteja contratando o volante Augusto Recife. “Não houve nenhum contato, nem o jogador foi oferecido”, disse Mendes.

Nenhum comentário: