quarta-feira, abril 21, 2010

Sem o direito de perder gols

Ex-jogador do Atlético-GO, Brasão, um dos herois da classificação coral diante do Botafogo, no Rio de Janeiro, sabe bem que o time coral não terá vida fácil, amanhã, em Goiânia. Porém, o atacante também sabe que, quando as poucas chances de gols forem criadas, a equipe terá que saber muito bem aproveitá-las.

"Não acredito que por lá a gente terá tantos espaços como tivemos aqui no primeiro tempo, quando fizemos um gol e poderíamos ter feito dois ou três. Portanto, será um jogo decidido nos detalhes, como um clássico, e temos que estar atentos para, se tivermos três boas chances, aproveitarmos pelo menos duas", ressaltou.

Sobre a estratégia, Brasão afirmou que o Tricolor terá que fazer um jogo de muita paciência, no Serra Dourada. "Temos que trabalhar com calma em busca do primeiro gol. Conheço bem a torcida do Atlético-GO e ela vai cobrar uma reação imediata. É aí que a gente pode tirar proveito para buscar o resultado que nos interessa para a classificação", destacou, falando que, no jogo no Recife, os jogadores adversários ficaram apavorados quando tomaram o primeiro gol. "Infelizmente a gente não conseguiu fazer mais gols. Se isso tivesse ocorrido, o Atlético não teria reagido como reagiu."

Nenhum comentário: