sexta-feira, abril 02, 2010

Jogadores do Náutico são ignorados pela torcida em retorno ao Recife

Torcida não foi protestar na chegada dos alvirrubros

Torcida não foi protestar na chegada dos alvirrubros

A apatia do time do Náutico na goleada sofrida para o Vitória, na quarta-feira (31/3) pela Copa do Brasil parece ter contaminado a torcida, pois nenhum torcedor apareceu no saguão do Aeroporto dos Guararapes/Gilberto Freyre na tarde desta quinta, quando o elenco desembarcou de Salvador.


De seu lado, a diretoria também não tomou decisões a respeito do elenco e comissão técnica. O técnico Alexandre Gallo está firme no cargo e nenhum jogador foi dispensado. De acordo com o presidente Berillo Júnior, não é possível mandar ninguém embora no momento porque não é mais possível contratar para o Campeonato Pernambucano.


"Não estamos parados. Temos um planejamento e já firmamos aluguns pré-contratos com jogadores que estão atuando no momento", disse o dirigente, referindo-se à Série B do Campeonato Brasileiro. Quanto aos salários, apontados por muita gente como principal motivo da fraca produtividade da equipe, Berillo prometeu quitar o mês de fevereiro na próxima semana, quando, ironicamente, vence o mês de março.


Quanto ao time, o treinador perdeu nada menos do que três jogadores para o confronto diante do Vitória, neste domingo (4), pelo Campeonato Pernambucano. O meia Zé Carlos e o zagueiro Ediglê foram expulsos contra a Cabense, no último final de semana e cumprirão suspensão automática.


Para o lugar de Derley, Gomes pode reaparecer na zaga. Nos últimos jogos ele atuou como volante por conta da contusão de Hamilton. Como o titular já está na transição no departamento físico, tem chance de voltar.


A outra ausência será do atacante Carlinhos Bala. Ele também cumpre suspensão, mas pelo terceiro cartão amarelo. Geílson pode aparecer ao lado de Bruno Meneghel.

Nenhum comentário: