quinta-feira, março 25, 2010

SPORT FAZ OUTRA VÍTIMA E JÁ ESTÁ NA SEMIFINAL


Invicto, melhor ataque, melhor defesa, mais líder do que nunca e, agora, classificado para as semifinais do Campeonato Pernambucano 2010. Esse é o Sport, que bateu o Vera Cruz, ontem, no Carneirão, por 2x0, e já carimbou o passaporte para a próxima fase, mesmo faltando ainda cinco rodadas para o término desta primeira etapa. Para se garantir entre os quatro melhores, o Leão contou com a ajuda do Ypiranga e Porto, que não venceram os seus jogos e assim os leoninos, que tem 41 pontos, abriram 17 de vantagem para o quinto colocado. Como só restam mais cinco rodadas (15 pontos), não há mais chances matemáticas do Rubro-negro deixar o G4. Pendurado, Ciro não tomou o terceiro cartão amarelo, e o Sport vai com força total para o Clássico das Multidões, domingo, contra o Santa Cruz.

Apesar de precisar da vitória para ter condições de garantir a classificação antecipada, o treinador Givanildo Oliveira adotou a cautela e optou por entrar com Dirley, atuando assim com três zagueiros e três volantes, deixando o meia Kássio no banco. Sem mobilidade e ofensividade, além de sofrer com o irregular gramado do Carneirão, o Leão não conseguia evoluir suas jogadas, errando muitos passes. Já o Vera Cruz se defendia bem, mas pouco se arriscava ao ataque.

Com isso, a primeira chance de abrir o placar veio somente aos 33 minutos do primeiro tempo. Após disputa de bola com Daniel Paulista, Valnei tentou afastar e mandou a bola no pé de Eduardo Ramos. Na entrada da área, o meia leonino chutou rasteiro, com a bola passando próxima à trave do Vera Cruz. Dois minutos depois, foi a vez dos mandantes darem o troco. Juninho (ex-Porto e Santa Cruz) mandou uma bomba de longe e quase surpreendeu Magrão.

Traiçoeiro, o Leão reservou os dois últimos minutos do primeiro tempo para dar o bote fatal no Galo das Tabocas. Aos 43, Dairo recebeu no bico direito da área, ganhou na disputa corpo a corpo com Juninho e chutou cruzado, rasteiro, para abrir o marcador. Um minuto depois, o Vera Cruz desperdiçou duas chances, com Vassoura e Joel, respectivamente. Aos 45, o Sport mostrou como se faz. Após cruzamento na medida de Dutra, Eduardo Ramos subiu sozinho para ampliar o placar de cabeça: 2x0.

Na etapa final, enquanto o Leão pisou no freio e tentava cadenciar o jogo para segurar a vitória, os mandantes voltaram com duas alterações para tentar correr atrás do prejuízo. É bem verdade que o Galo das Tabocas conseguiu chegar perto em duas oportunidades. Aos dez minutos, Marquinhos acertou belo chute de média distância, e Magrão fez grande defesa. Aos 28, Vassoura fez boa jogada individual e mandou uma bomba de fora da área, mas a bola passou raspando o travessão de Magrão.

Nenhum comentário: