sábado, março 06, 2010

Santa Cruz vai pedir árbitros de fora do Estado

A paciência da diretoria do Santa Cruz com as arbitragens do Campeonato Pernambucano chegou ao limite. Em entrevista à Rádio Jornal, o representante tricolor na Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Felipe Rego Barros, avisou que a diretoria vai se reunir para solicitar a vinda de árbitros de fora do Estado para seus jogos.

A gota d'água foi a atuação de Ricardo Tavares na derrota coral para o Central, na última quarta. Segundo Felipe, a atuação do juiz foi desastrosa. Ele questionou o pênalti em Felipe Espada, a expulsão do volante Leo e o tempo dado de acréscimo (três minutos).

"Só suspender árbitro não adianta. Vamos nos reunir e pedir árbitros de fora porque estamos cansados de tanto prejuízo", disse, referindo-se também ao jogo da semana passada diante do Salgueiro, no Cornélio de Barros. O dirigente contabilizou que o Santa poderia estar brigando pelas primeiras posições se não fossem as falhas."Peremos de cinco a seis pontos por conta desses erros."

Sobre a escolha de Emerson Sobral para comandar o jogo dos tricolores com a Cabense, no próximo domingo (7), no Arruda, ele não questiona a ética de ninguém. "Emerson Sobral merece confiança e é um árbitro bem preparado. O que criticamos é o desempenho sofrível de alguns árbitros que não têm condições de apitar e acabe essa relação polêmica com o Santa Cruz", ressaltou.

Nenhum comentário: