sábado, março 13, 2010

Náutico vai no 3-5-2 pela primeira vez na Era Gallo

l
Zé Carlos atuará improvisado na lateral esquerda
Zé Carlos atuará improvisado na lateral esquerda

Pela primeira vez, desde que assumiu o comando da equipe, após o clássico contra o Sport, o técnico Alexandre Gallo mudará o esquema tático do Náutico. Adepto do 4-4-2 ele montou o time no 3-5-2 no coletivo desta sexta-feira (12) na preparação para enfrentar o Sete de Setembro, neste domingo (14), no Gigante do Agreste, em Garanhuns.


O trio de zaga será formado por Vinícius, Gomes e Igor. Os motivos, de acordo com Gallo, são as ausências do zagueiro Ediglê, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e do lateral-esquerdo Rafael Foster, com uma luxação no ombro esquerdo.



Como os reservas imediatos Wellington e Altemar não agradaram, ele desloca o meia Zé Carlos para a função de ala, já exercida pelo jogador quando o técnico era Guilherme Macuglia.


A vaga aberta no meio de campo ficou com Dinda, atleta que recebeu bastantes elogios do comandante pela entrada no segundo tempo contra o Ivinhema, na última quarta-feira, em jogo que classificou o timbu para a segunda fase da Copa do Brasil.


O esquema também mexe no ataque. Carlinhos Bala, que nos últimos dois jogos atuou no meio volta ao seu setor de origem, o ataque. Thiaguinho volta para a suplência. Embora todos os setores tenham sofrido alteração, Gallo ressaltou que o mais importante é que a maioria dos atletas será a mesma do jogo anterior. "Só temos uma mudança forçada por causa da lesão do Foster", lembrou.


O técnico alvirrubro também lembrou que da forma que o time está armado, pode acontecer uma mobilidade do esquema para o 4-4-2. "Igor também faz o papel de lateral. Ofensivamente, a equipe pode aparecer num 4-4-2", explicou.


LATERAL - Rafael Foster já sentia dores no ombro esquerdo antes do jogo com o Ivinhema e a contusão foi detectada após exame de imagem. Por enquanto, ele ficará na fisioterapia e será reavaliado na segunda-feira.

Nenhum comentário: