domingo, março 07, 2010

NÁUTICO - Trio tenta a sorte no Timbu

Daniel, Igor e Rafael

Responsabilidade. A palavra se encaixa em vários aspectos da vida de um trio recém-contratado pelo Náutico. O lateral-direito Daniel, o lateral-esquerdo Rafael Forster e o zagueiro Igor, todos pertencentes ao Internacional, clube com o qual o Timbu tem bom relacionamento, chegaram ao Recife no último domingo, viajaram para Salgueiro na segunda-feira e jogaram na quarta. Mesmo com o treinamento ficando em segundo plano nesse momento de correria, eles estão ganhando espaço na equipe de forma muito veloz. Três amigos que mudaram de vida e de estratégia para emplacar no futebol.

“Tudo aconteceu muito rápido”, relembra Igor, que com 20 anos é o mais velho do trio. “No sábado, eu soube que estava havendo uma negociação com o Náutico. No período da tarde, isso foi confirmado, e eu já conversei com Gustavo (Mendes, superintendente alvirrubro). De noite, estava tudo acertado”. Assim, sem hesitação, o zagueiro, que até pouco tempo estava sendo cotado para ser um dos defensores inscritos na Libertadores pelo Internacional, aceitou o desafio de defender um clube que atualmente disputa a Série B do Brasileiro. “Queria ter sequência de jogos, buscar uma posição como titular e mostrar a minha qualidade como jogador. Isso no Inter seria um tanto complicado no momento. Por isso aceitei o desafio’’, afirma.

Titulares no jogo da última quarta-feira, diante do Salgueiro, Rafael Forster e Daniel são amigos de longa data. Os dois se conheceram aos 13 anos nas categorias de base do Colorado. Hoje, aos 19, buscam força um no outro para superar os obstáculos da adaptação à nova realidade. “É muito tempo convivendo com Daniel. Igor chegou um pouco depois no Internacional, mas também é muito querido. Foi bom contar com esses amigos nesse momento de transição”, diz Forster. O lateral-esquerdo comentou ainda que o trio não vai se isolar do resto do grupo alvirrubro. “Fomos bem recebidos. No começo, ainda existe aquela timidez. Mas tudo vai acontecer naturalmente”, comenta o atleta.

No Recife, Forster e Igor vão dividir apartamento. Daniel vai morar com a namorada, que deve chegar nos próximos dias. O lateral-direito aposta na boa tradição de ex-colorados no Náutico, relembrando os casos do atacante Wellington, o Tanque, e do volante Derley. “Conheço parte da trajetória do Wellington e do Derley. São histórias que nos incentivam. É uma fórmula que está dando certo, e nós vamos fazer de tudo para dar continuidade”, garante Daniel.

Nenhum comentário: