domingo, março 07, 2010

Gavião visualizando o G4

Uma importante vitória na rodada do meio de semana, e o Porto segue colado no G4, à espreita de uma vaga nas semifinais do Campeonato Pernambucano. O triunfo, fora de casa, por 1x0, diante do Vera Cruz, levou a equipe aos 20 pontos (está na sexta colocação), um a menos que o rival Central, quarto colocado - o Santa Cruz, quinto, tem a mesma pontuação que o Gavião, mas ganha no saldo de gols (5x1). Depois de encarar uma pedreira longe dos seus domínios, o time caruaruense volta ao Luiz Lacerda, mas não terá vida fácil por isso. Encara o líder Sport, invicto na competição até o momento.

Apesar da boa colocação na tabela, o técnico Charles Muniz é franco ao dizer que o real objetivo da equipe é mesmo manter a equipe na Série A1 do Pernambucano. Ele diz isso por conta da situação do Porto, que não teve grandes investimentos este ano e entrou na disputa do Estadual com um time repleto de garotos da divisão de base. “A essa altura, a gente pensa é em pontuar o máximo possível. O nosso objetivo é se garantir na Primeira Divisão”, admite o treinador.

Uma das grandes dificuldades do técnico é o elenco reduzido. Tanto que com o Departamento Médico lotado, Charles está com dificuldades para montar o time titular para a partida deste domingo. Ao todo, são quatro jogadores lesionados, sendo que três deles já estão vetados: o zagueiro Romero, o volante Naldinho (que já não participou do último confronto) e o atacante Rogério. O lateral João Carlos é dúvida. Para substituí-los, o treinador terá que ir buscar garotos dos juniores não só para compor o banco, mas para atuarem como titulares. São os casos do defensor Alemão e o do volante Evandro, de 17 anos.

Nenhum comentário: