quinta-feira, fevereiro 11, 2010

Porto e Cabense buscam a reabilitação

A primeira impressão engana. Os mais desavisados, ao olharem a tabela de classificação, podem até acreditar que quem entra em campo para manter a boa fase, às 20h30, no estádio Luiz Lacerda, em Caruaru, é a Cabense. Mas apesar de estar com 12 pontos e figurar na metade de cima do ranking dos melhores qualificados, a equipe do Cabo de Santo Agostinho acumula derrotas há três rodadas consecutivas. Portanto, o time de Rogério Zimmerman, que ainda está com seis desfalques, quer mesmo é fazer as pazes com a vitória. Já o dono da casa, o Porto, busca manter a ascensão desde que o treinador Charles Muniz assumiu a equipe. Depois de abocanhar três triunfos, o Gavião sofreu um revés no clássico diante do Central, na última rodada, porém já conseguiu saltar dos últimos lugares para figurar nas posições intermediárias com dez pontos.

A arma do Tricolor de Caruaru, desde que Muniz assumiu o cargo, tem sido a marcação forte e a saída rápida para os contra-ataques, aproveitando a saúde de um time bastante jovem. Esse sistema deve ser mantido para o jogo de logo mais, já que o time possui apenas dois desfalques, e os substitutos não serão improvisados. Expulso no clássico da Capital do Forró, o lateral-direito João Carlos cederá espaço para Damião. Já a vaga do meia Naldinho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, ainda é uma interrogação. O candidatos ao posto são Cleiton e Evandro.

No lado da Cabense, os desfalques são os principais problemas. Só de atletas contundidos são quatro. Estão no Departamento Médico os zagueiros Lima e Miguel, além do meias Cléberson e Márcio. Já o defensor Léo Gama e o lateral-direito Felipe estão suspensos. Apesar disso, o treinador Rogerio Zimmerman se mostrou tranquilo durante a semana. Ele acredita que o pior já passou, após encarar uma sequência difícil com Central, Náutico e Sport.

Porto

Romero; Damião, Gonçalves, Romero Caruaru e Oziel; Cosme; Rodolfo Potiguar, Cleiton (Evandro) e Arlindo; Fabian (Rogério) e Kyrus. Técnico: Charles Muniz

Cabense

Ibson; Maricá, Oliveira, Evanílson e Aílton; Washington, Cléber Gaúcho, Dinho e Tiago Mexirica; Eduardo Foguete e Flávio. Técnico: Rogério Zimmerman

Local: estádio Luiz Lacerda (Caruaru)

Horário: 20h30

Árbitro: Sebastião Rufino Filho

Assistentes: Aldir Pereira e Marcelino Castro

Preliminar: Porto x Cabense, às 18h (juniores)

Nenhum comentário: