terça-feira, fevereiro 09, 2010

Juninho pode ganhar nova chance no Sport

Juninho pode ganhar uma chance
Juninho pode ganhar uma chance

Com a reclamação do meia Ricardinho de dores musculares, o técnico do Sport, Givanildo Oliveira, promoveu a entrada de Juninho no time titular do Sport no primeiro coletivo de preparação para a partida desta quarta-feira (10), diante do Ypiranga, em Santa Cruz do Capibaribe, pela nona rodada do Campeonato Pernambucano.


O jogador já entrara no segundo tempo durante várias partidas e ganhou a primeira chance como titular. Como além da contusão, Ricardinho apresentou queda de produção, a chance de o ex-jogador do Sete de Setembro começar jogando é considerada concreta.


Coincidência ou não, nesta nova tentativa no Sport, o jogador pediu para ser conhecido por outro nome, já que os "juninhos" são muito comunso no futebol. E Juninho Silva foi o escolhido pelo atleta após confabular com os jornalistas. Foram sugeridos Juninho Garanhuns e Juninho Belo Jardim, alusões ao clube que o revelou e à cidade natal.


Além do time potiguar, Juninho já foi emprestado ao Botafogo-PB e Santa Cruz. Ele chegou ao Sport em 2008, após um bom Campeonato Pernambucano.


"A vontade de mudar surgiu no ano passado, no América-RN. Já havia outro Juninho no time", lembrou. A sugestão foi de Juninho Pernambucano, recusada pelo jogador pela concorrência com o ex-jogador revelado pelo prório Sport.


Nomes à parte, a entrada de Juninho Silva não foi a única modificação promovida por Givanildo. Com a suspensão do zagueiro Montoya pelo terceiro cartão amarelo, o volante Tóbi foi adaptado na defesa.


DM - O goleiro Magrão deixou o departamento médico rubro-negro e fará um trabalho de transição para retornar aos trabalhos normais com bola. "Ele não sente mais dor e vai fazer uma recuperação muscular", disse o médico Stemberg Vasconcelos.


Já o atacante Wilson teve confirmado um estresse no ligamento colateral do joelho direito. Com isso, ele fica fora dos treinamentos por 15 dias. "Ele só deve estar preparado para o clássico contra o Náutico", disse o médico

Nenhum comentário: