domingo, fevereiro 21, 2010

Central quer manter o embalo

Parece que mudar de treinador tem feito muito bem aos times pernambucanos. O beneficiado da vez foi o Sete de Setembro, que conseguiu um bom empate diante do líder Sport. Neste domingo, às 17h, o Lobo Guará visita o Central, no Luiz Lacerda, disposto a mostrar que o bom resultado contra o líder, embora não o tenha tirado da lanterna, deu um ânimo extra para o time fugir da degola. O Central, por sua vez, também vem bem (passou pelo Ypiranga, na quarta-feira) e aposta, principalmente, no fator casa para somar mais um triunfo e se aproximar ainda mais do G4 do campeonato.

Apesar de jogar no seu estádio, o Luiz Lacerda, e encarar o lanterna disparado da competição, o treinador Adelmo Soares não acredita em facilidade no jogo de logo mais. “Eu considero este o jogo o mais difícil do campeonato para a gente. Em primeiro lugar, pela situação deles, mas principalmente porque o Sete tem a tradição de toda vez vir aqui a Caruaru e complicar com o Central”, disse o comandante.

O treinador, porém, acredita em uma vitória e chega a sonhar alto. “A gente vai fazer de tudo para quebrar o tabu”, disse antes de completar: “O campeonato é muito nivelado, mas nós estamos lutando pelo G4”.

Em relação à equipe de Garanhuns, o time que entra hoje é o mesmo que iniciou o jogo contra o Leão. “O time fez um bom jogo contra o Sport. Temos que manter o mesmo espírito para sair dessa situação incômoda (a lanterna)”, afirmou o treinador recém-efetivado da equipe, Marcos Pereira. O técnico disse, ainda, não acreditar em rebaixamento. “Ainda tem muita coisa para acontecer, muitas partidas para jogar. Não dá para pensar em rebaixamento”, declarou.

Nenhum comentário: